Para Lina e Otto

Os gêmeos OTTO e LINA dividem um quarto com inspiração escandinava, desenhado pela mãe, a arquiteta ERIKA DUARTE. Neutro, pontuado com referências montessorianas, o espaço tem o cinza como base e cor salpicada no enxoval da FAMÍLIA RIPINICA. Tudo simples e elegante, como a família gosta.

Fotos: Sambacine

A arquiteta Erika Duarte é louca por tecidos. Sempre que viaja traz cortes incríveis de linho, lisos e estampadas, e uma infinidade de peças com design bacana. Aposta na qualidade, não curte excessos, e segue a premissa de que “menos vale mais”. Foi esse o conceito estético que trouxe para o quarto de seus filhos gêmeos, Otto (homenagem a Frei Otto) e Lina (por conta de Lina Bo Bardi), atualmente com um ano de idade. Criou um ambiente (14m2) quase minimalista, com cinza como base, mas repleto de ideias bacanas. Um espaço simples, mas sem deixar de lado uma essência das mais sofisticadas.
 

_ Em geral, quarto de criança tem muito brinquedo e acaba ficando super colorido. Por isso optei por um tom neutro, como esse cinza clarinho, que combina bem com a madeira. Segui essa linguagem na casa toda, gosto dessa harmonia estética. E me preocupei de deixar à mostra brinquedos de madeira, com design bacana – conta ela.

Os berços da dupla são escandinavos, da marca Linder, e viram uma cama que permite que a criança durma ali, com conforto, até os 7 anos. Para seguir alguns toques montessorianos, Erika colocou um espelho rente ao piso, fácil das crianças se enxergarem e interagirem com sua imagem. O enxoval foi desenvolvido pela Família Ripinica, que fez também as almofadas com os tecidos trazidos de viagens. Na cama, a raposa esparramada veio da Tricot by Tricot e foi compradas na Etsy. Um charme que Lina e Otto adoram.

_ Pensei muito antes de decidir que padronagem teria nos protetores, Queria algo diferente. No final optei por apliques bem delicados, de verduras e animais, e fui desenvolvendo esse conceito com a Tatiana Pinho, da Família Ripinica. Temos uma boa parceria – diz Erika.

Outra sacada bacana foi colocar os livros com a capa voltada para frente, em uma posição acessível, ao alcance das crianças, ao lado de painel de fórmica lousa. No futuro, elas vão poder desenhar ali. O armário, criação de Erika, abre com porta estilo-camarão. Ambas recolhidas permitem que ela tenha a visão de todo o interior.

Veja a sala, na mesma casa, que virou uma incrível brinquedoteca

Amamos:

As estampas de estilo escandinavo, a marcenaria de traço simples e elegante. A escolha do tons de cinza e os toques da filosofia montessoriana. Não há excessos!!

Mão na massa:

Erika colocou, ao lado da janela, uma chapa metálica (imantada) e prendeu fotos da familia. Esse painel de memórias dá um charme e personaliza o ambiente.