Uma linha de móveis e acessórios ecléticos e resistentes, para crianças de todas as idades: esse foi o conceito que a arquiteta Carmen Zaccaro buscou para a sua Cantinho de Dormir, desdobramento da marca voltada para adultos, a Canto de Dormir. Ali, praticamente todas as peças conversam entre si e podem ser utilizadas em diferentes contextos, como ela própria explica:

_ A cama pode vir apoiada em cima de uma beliche e, quando a criança crescer, desce para ficar mais próxima do chão. Procurei não desenvolver móveis descartáveis e usei materiais bem resistentes como acabamento. Por exemplo, o tom amadeirado é uma melamina resistente, com padrão clarinho, igual a freijó lavado. E fica com um preço mais em conta também.

Muitos dos modelos desenvolvidos por Carmem foram adaptados da linha adulta e são desmontáveis, facilitando caso a família se mude ou a criança resolva trocar o visual do ambiente. A marcenaria, assinada pela Canto de Dormir, é feita sob medida e pode ser customizada, mas segue padrões definidos.

_ Na verdade, procuramos desenvolver um tipo de produção bem industrial, com acabamento de ponta, mas com um toque artesanal, delicado. Há vários tipos de módulos e o nosso best-seller que é a cama-casinha, que agora vai ser desenvolvida na versão bicama _ conta ela.

São ao todo 10 modelos de cama – tatame, básica, beliche, dossel, entre outros -, vários tipos de prateleiras, a estante árvore (Coruja), mesa bobina com painel, lousa em forma de casinha, banquinhos… e ainda o berço de palhinha ou o que vem acompanhado com gavetas embaixo. Isso sem falar na cômoda que vira escrivaninha! E na que vem com gavetas em tons de degradê, puro charme.

_ O que indicamos para as mães de recém-nascidos é colocar o berço em cima de um tatame de madeira. Quando a criança crescer, basta tirar o móvel e colocar um colchão ali. Fica perfeito _ revela Carmem. _ Em um dia deixamos tudo pronto.

Deixe seu comentário