Brincando e aprendendo

Repleta de boas ideias para todo o tipo de ambiente, a creche Despertar ocupa uma casa antiga e é fruto de um projeto elaborado das arquitetas CARLA DUTRA e PATRICIA BATISTA. Embaixo fica o universo das crianças maiores. Em cima, dos bebês, em espaços tingidos com tons pastéis e muita bossa, que você vê aqui nessa matéria.

Fotos: Nicolas Bouriette

A casa ampla, em Botafogo, foi alugada para virar uma creche e ganhou reforma completa sob os cuidados das arquitetas Carla Dutra (@studio.griz) e Patricia Batista (@b.coarquitetura). Super parceiras da proprietária, a executiva Carla Campinho, elas embarcaram em uma pesquisa para entender como criar e estimular o universo lúdico dos pequenos. No primeiro piso, ficou a área das crianças maiores, que usam e abusam do pátio central (veja aqui). E agora você vai conhecer a parte de cima, onde a opção foi deixar todo o ambiente para os bebês, que ganharam uma sala ampla e arejada, com janelões de vidro e um clima delicioso. Reparem: há ótimas ideias para quartinhos!

_ Visitamos várias casas com a Carla e participamos da escolha do imóvel, que tinha a seu favor o fato de ser extremamente amplo, claro, gostoso. Isso fez com que logo entendêssemos como interferir para torná-lo ainda mais bacana _ conta Patricia.

A área dos bebês foi definida por tons pastéis, que tingem também o armário já existente, antes forrado de madeira escura. As arquitetas tiraram as portas, fizeram o complemento e usaram fórmica azul como revestimento.

_ Fórmica é uma textura resistente, por isso achamos mais prático que pintura. E o legal é que os proprietários optaram por não ter berço e colocar os colchonetes diretamente no chão, como no método montessori. Os bebês adoram _ revela Carla.

Móbiles (Projeto de Gente) pontuam o espaço, que tem ainda uma porta antiga, de madeira, tingida com  amarelo.

_ Fizemos um banheiro para o berçário com bancada esculpida no granito. Bem prático. A cor aqui foi usada para rejuvenescer a marcenaria existente, principalmente portas, armários e estantes. Com pequenas interferências, o resultado ficou surpreendente  _ diz Patricia.

Outra sacada bacana da dupla foi fazer um lambri em forma de nuvem – que além de proteger a parede das mãozinhas, é uma graça! -, e há ainda o armário verde, em uma das salas, original da casa, que ganhou portas de fórmica verde com pequenos furinhos que servem como puxador. Tudo prático, bacana, divertido e bem-resolvido.

Brinquedos da estante da Oba!, LZ Mini e Projeto de Gente, e o tapete de mapa, no piso, é da Milk Studio.

Amamos:

O lambri em forma de nuvem. E o armário com círculos vazados servindo como puxadores.

Mão na massa:

Colorir móveis antigos é fácil. E eles ganham vida nova!

Deixe seu comentário

Um comentário

  1. Nerilda

    Achei tudo lindo de viver!! Super bom gosto ! Parabéns!!

    Responder